Primeiros Passos do Guerreiro – Parte V

” Se a conduta da esposa de um guerreiro o desagrada de alguma forma, ele deve explicar a razão e adverti-la de forma que ela entenda. Se for algo sem importância, é razoável esquecer e deixar de lado tolerantemente”.

Quantas vezes não nos deixamos ser levados pela emoção e acabamos cometendo injustiças (mesmo verbais) por algo sem importância. Caso tenha algum problema com um companheiro de trabalho, em casa, onde for, procure conversar e dialogar. Tudo se resolve em uma boa conversa. Você pode pensar: “Ok, vou chamar a pessoa e conversar, mas depois ela vai ficar chateada comigo”. Se a razão for sua e não da pessoa, ela com certeza vai entender.

Mas se o que lhe incomoda não tiver muita relevância naquele momento, aguarde um pouco, quem sabe as coisas mudem. Caso contrário, chame a pessoa e converse. Temos a tendência de sempre achar que estamos com a razão em tudo, mas antes de conversar, procure analisar a situação pelo ponto de vista da outra pessoa também.

Anúncios
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: